A Força das Redes Sociais

O Cidadão não mudou! O que mudou foi sua forma de buscar valores e recompensas. Hoje o consumidor se acostumou com a inovação digital, com a conectividade, gostou da mobilidade, ganhou voz nas redes sociais e exigiu uma nova forma de relacionamento com as marcas, empresas e instituições. Por natureza, o ser humano precisa se comunicar e para isso utiliza vários meios. Reunião em família, happy hour, comemorações, sempre com o objetivo de trocar experiências – profissionais ou por lazer.

“Redes Sociais são estruturas formadas dentro ou fora da internet, por pessoas e organizações que se conectam a partir de interesses ou valores comuns. Muitos confundem com mídias sociais, porém as mídias são apenas mais uma forma de criar redes sociais, inclusive na internet”.

(Resultados Digitais)

Domínio das Redes Sociais

O cidadão do século 21 encontrou uma forma de realizar todas essas conexões com um aparelhinho que fica “preso” as suas mãos e o leva a qualquer lugar do mundo, a qualquer hora, com alguns movimentos de seus dedos. Troca todo tipo de informação, recados com amigos e familiares. E entre essas novidades surgiram as redes sociais, interferindo no dia-a-dia. Entretenimento, troca de informações, desde um simples comentário ou piada, passando por recados e conversas, até informações de cunho estudantil, profissional e de lazer.

O consumidor, ao ganhar voz ativa e pensamento crítico, apresenta novos caminhos nessa relação de negócios, onde a confiança e a honestidade são indispensáveis. A busca do engajamento entre empresa e consumidor é fundamental, muito mais para conhecer a experiência do cliente, do que propriamente a troca de bens ou serviços.

Surgiram sites e aplicativos de intercâmbio social. É possível mostrar desde simples vídeos caseiros até filmes de jornalismo de ótima produção. Hoje o Youtube é o maior site de vídeos, assim como o Twitter, o Facebook e o Instagram são as maiores ferramentas de relacionamento social na internet. O LinkedIn cresce a índice acima da média como uma rede de relações profissionais. As redes sociais são usadas, inclusive, para promover grandes mobilizações e mesmo movimentar verdadeiras massas populares em favor de idéias.

Essas redes sociais se impuseram ao movimento da comunicação, formando rede de pessoas para reivindicar e encontrar objetivos comuns, tornando-se o principal fórum da internet.

Atenção aos gestores de redes

Os gestores de redes devem se amparar em coerência, compromisso, personalização e cautela para obter sucesso na construção e manutenção de relacionamentos.

Depois que as redes sociais passaram a compartilhar informação, música, jogos, futebol, vídeos etc, elas agora já participam das relações comerciais – atuam na área de negócios para as empresas – são as redes sociais de negócios. Destaca-se o eToro – sucesso na área empresarial cujo crescimento vem superando todas as outras formas de comunicação na web.

É incorreto afirmar que as redes sociais são determinantes na decisão de compra. Mas que influenciam, isso é definitivo. As redes sociais são ponto de referência para informações. Cabe ao indivíduo avaliar mediante sua cultura, idade, ocupação, status, etc e tomar a decisão de crença numa mensagem e posterior compra.

Há que se ter cuidado pois as opiniões nessas redes podem ser manipuladas – por pessoas, grupos, produtos ou marcas. A certeza mesmo é comprovar a veracidade com mais de um grupo nas redes sociais.

Estudos da Fundação Getúlio Vargas, Grupo de Redes Sociais da EAESP – GV, destacam cinco áreas para norteamento pelas empresas do uso de mídias sociais:

  • Gerenciamento de reputação;
  • Comunicação;
  • Operações;
  • Análise de tendências;
  • Obtenção de receitas.

A empresa que se alinhar a este roteiro sai na frente. Tem o risco de conquistar primeiro e, com planejamento, fidelizar o consumidor.

A Sphera Agência Digital desenvolve conteúdo nas redes sociais. Venha conosco buscar uma solução para sua empresa.